Luke Concannon, cantor do NIZLOPI, gravou um dueto com o Ed Sheeran – dez anos após o superastro ter trabalhado por duas semanas com a banda.

Luke, agora morando em Boston com sua namorada, Stephanie, contou como o Ed, 26, o visitou em sua casa nos EUA há duas semanas – primeira vez que se encontraram em seisa nos.

O encontro acabou se transformando em uma sessão de gravação, o que resultou na música “The Streets Of Boston”, que Ed autorizou ser lançada por Luke.

Mas as coisas tiveram um início estremecido, quando Ed acidentalmente quebrou o violão de seu velho amigo.

Em conversa com o The Sun Online, Luke explicou: “Ele é um artista incrível. Eu o vi há duas semanas. Ele estava aqui em Boston. Nós estávamos ansiosos para nos encontrarmos. Ele é um cara bacana.

“Nós almoçamos. O nosso plano era escrever uma música. Ele pegou meu pequeno violão. Quando pegou, ele não percebeu que a case estava aberta e a derrubou no chão. Ele só ficou parado lá “Eu sinto muito, eu não sabia que a case estava aberta.’

“Eu fui a esse escritório e comecei a escrever uma música com outro violão. Seu chefe de segurança veio com um violão Lowden. Era um Lowden feito à mão. Eu fiquei muito impressionado – ele me deu um dos melhores violões do mundo e ele pediu para sua equipe substituir o que ele quebrou também.

“Após termos escrito a música, ele disse ‘você pode lançar essa’. Eu espero que ele lance, mas caso não o faça, eu lançarei. Escrevemos como um dueto.”

Ed escolheu a música Flooded Quarry, do Nizlopi, durante sua participação no Desert Island Discs no início deste ano e, quando adolescente, bombardeou a gravadora do duo com pedidos de experiência de trabalho.

Luke disse: “Ele escrevia à nossa gravadora e falava ‘por favor, posso trabalhar com vocês?’. Nós recebemos um monte de e-mails dele.

“Ele viajou pela estrada conosco por duas semanas. Ele disse que éramos sua banda preferida. Ele só queria fazer um duelo de rap o tempo inteiro.”

O lançamento solo mais recente de Luke, Join The Liberation, é uma tentativa de tocar e inspirar as pessoas, com um novo disco a ser lançado no ano que vem, bem como uma turnê.

Sobre a música, ele disse: “Eu realmente estou tentando fazer algo que seja significativo e que seja escutado pelas pessoas e comentado sobre. É apenas sobre o poder das pessoas e sobre o fato de que há tanto que podemos fazer. Somos mais poderosos do que imaginamos.”

 

Fonte | Tradução e adaptação: Fernanda – Equipe EdSheeranBR
Não reproduzir sem os créditos